Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

43 é um bom número? + a Renatinha

~nunca foi boa de cálculo~ Longe de tentar ser Gullar faço pouco esforço pra me lembrar bocas que beijei antes desta, esperada como última. As quatro primeiras foram gustavos Dentre elas um Lucas perdido mais um Márcio. Aqui, então, conto seis. Confesso outros dois Wirgílio, beijado esquisitamente quase à força, e Caique, meu melhor amigo. Não namoramos porque percebemo-nos ridículos com tamanha falta de atração. Oito beijo estando em 15 anos, parece bom. Ah... João Paulo! Mas já era outra época. Cinco anos beijando a mesma boca. Depois desmiolei: professor, Wallace, Mariana, o menino monitor de Geografia do nome que esqueci, Xavier, Dudu, Rafael, Tomás, mais dois que compraram meu beijo na barraca Ítalo da dança, Jeroniminho, Luís Ricardo, Frederico, Luís, Pedro, Matheus, Marcos... Samuel que queria comer meu cu e o Gozada Rápida, mas beijo gostoso. E o baixinho que queria nunca ter ficado. e T(h)iago, gente boníssima. Penélope... amiga! Te amo. Cibele, Luna, Carolzinha e o Didi, perd

Últimas postagens

O Cheiro da Roupa

Uma conversa sobre Tradição

Isto não é uma pimenteira

cheguei

corpobaú

sobre Portugueses

Do decálogo inciso 7

em 22 de março de 2021, parece que foi ontem, mas foi antes:

sobre aquelas que tentei escrever

Desventada