Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2019

Tende ao pessimismo, mas juro o contrário

saber então que apesar das coisas boas, elas não estão tão assim bem das pernas e caminham reconhecer a infelicidade por isso merecer sorrir frente à frente com lágrimas inchorosas põe a mão na garganta lá por dentro arranca faringe ligamentos e tudo quanto for sustentação pra não precisar do berro já nem mais sangrar o nervo distende quando desorbita os problemas que ainda o são: apresentam tamanho igual ao real nem maior nem menor porque vistos de fora nem facilmente resolvíveis de então, não há mal em dizer ao motivo a razão de permanecer vivendo como não desejar a morte pra ver até onde vão versículos mal tencionados pra tornar os nossos em prosa continuar enfrentando o que for defectível. Isali - 12/12/2019

INSTAvel

Fosse um sonho nosso Que a maquiagem também Tirasse o cansaço E não só a olheira Que o filtro barrasse Toda essa pedreira De problemas Que a gente tivesse O coração livre Pra estampar sombra E remendo Que nos aplaudissem Loretha Torchia

Embaralho

Eu gosto desse movimento A inércia do Chega e tira Sem medir espaço Desperto Inicio a busca A visão ainda tonta Ligar a luz ou não? Arranco por cima Vai parar na saída Tão bom quando o sexo Embaralha a gente Desespero no começo Pouco importa onde a saia vai parar Desespero no final Loretha Torchia